AGÊNCIA DE NOTÍCIAS
Brasília, Segunda Feira, 21 de Agosto de 2017
17 de abril de 2015

CFC recebe Diretório do Glenif

Postado por: Comunicação CFC


Neste segundo encontro do ano, membros do grupo latinoamericano trataram de cartas enviadas ao Iasb, além da agenda de atividades

Elton Pacheco
RP1 Comunicação

Presidente do CFC, José Martonio Alves Coelho, ao centro, com membros do Glenif

Presidente do CFC, José Martonio Alves Coelho, ao centro, com membros do Glenif

Os membros da diretoria do Grupo Latinoamericano de Emisores de Normas de Información Financiera (Glenif) estiveram reunidos nessa quinta-feira (16), na sede do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), em Brasília, para tratar de temas técnicos e operacionais do grupo e de futuros desafios. Os principais assuntos tratados foram as cartas enviadas ao International Accounting Standards Board (Iasb), além da agenda de atividades.

“Nosso objetivo contínuo é estreitar relações e manter uma parceria direta com o Iasb. Isso permite que a América Latina tenha suas necessidades contábeis estudadas por este grupo e, por consequência, seus problemas tratados. É um desafio grande que envolve, além deste grupo, outras entidades contábeis”, afirmou o presidente do Glenif, o argentino José Jorge Gil.

Mais cedo, o representante da América Latina no Board do Iasb, o contador brasileiro Amaro Gomes, participou da reunião por videoconferência. Ele ressaltou a importância dos grupos regionais, entre eles o próprio Glenif. O presidente do CFC, José Martonio Alves Coelho, também recebeu os membros e destacou a relevância do Glenif, constituído em 28 de junho de 2011, com o objetivo de contribuir tecnicamente com o Iabs e promover a convergência das normas internacionais de contabilidade (IFRS, na sigla em inglês).

O Glenif foi criado aos moldes dos outros três grupos regionais que colaboram com Iasb: o European Financial Reporting Advisory Group (Efrag), criado em 2001 para representar as necessidades dos países da Europa; o Asian-Oceania Standard-Setters Group (AOSSG), que iniciou trabalho em 2009 e representa os continentes da Ásia e Oceania; e o Pan African Federation of Accountants (Pafa), constituído em maio de 2011, reunindo entidades emissoras de normas contábeis da África.

Em entrevista na sede do CFC, o presidente do Glenif afirmou que as contribuições do grupo latinoamericano ao Iasb vêm sendo realizadas por meio de Grupos Técnicos de Trabalho (GTT), que são organizados por áreas temáticas. Segundo Jorge Gil, desde que foi criado, foram constituídos 38 GTTs, dos quais dois ainda estão em andamento: um que trata da revelação do valor recuperável para ativos não financeiros e outro sobre análise de cumprimento de etapas.

Atualmente, o Glenif é integrado por entidades de 17 países. Na reunião em Brasília, a segunda deste ano, estiveram presentes, além do presidente argentino, os diretores Jadson Ricarte, do Brasil,  Daniel Sarmiento Pavas,  da Colômbia, Norelly Pinto Vargas, da Venezuela e Juan Carlos Paredes, da Guatemala. Por videoconferência, participaram representantes do México, Felipe Pérez Cervantes e Uruguai., Winston Fernández.

O grupo também tratou da participação nos próximos eventos contábeis, como o Cumbre Internacional NIIF para PYMES, na Guatemala, nos dias  23 e 24 de abril; do CReCER, em Quito, Equador, de 5 a 8 de maio; e, por último, da XXXI Conferência Interamericana de Contabilidade, em Punta Cana, Republica Dominica, de 17 a 20 de setembro.

Saiba mais sobre as ações desenvolvidas pelo Glenif no site www.glenif.org.


Totem Ticker